Lúcio Cardoso - 50 anos depois


EDITORA RELICARIO

45,00

Estoque: 3

Este livro é fruto do colóquio Lúcio Cardoso – 50 anos depois, ocorrido em 14 de setembro de 2018, na Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais, por intermédio do seu Programa de Pós-Graduação em Estudos Literários e do Acervo dos E scritores Mineiros.Mineiro de Curvelo, Lúcio Cardoso estreou em 1934 com o romance Maleita, escrito na adolescência, evoluindo até a sua obra-prima – Crônica da Casa Assassinada – publicada em 1959. De uma obra múltipla, marcada pelo distanciamento d os temas sociais de linhagem marxista de denúncias sociais, tão ao gosto da época, Lúcio enveredou pela investigação intimista da condição humana, pela análise das vicissitudes existenciais de ordem ontológica, comportamental e religiosa. Dessa forma , alinhou-se às propostas literárias de Octávio de Faria, Cornélio Penna, Augusto Frederico Schmidt, Clarice Lispector e a alguns aspectos de Guimarães Rosa, entre outros. Tudo isso confere à obra de Lúcio Cardoso um lugar ímpar na literatura brasile ira, com uma qualidade inquestionável e que ainda precisa ser descoberta e sentida pelas novas gerações.O livro conta com textos de Leandro Garcia Rodrigues, Rafael Cardoso, Ésio Macedo Ribeiro, Gustavo Silveira Ribeiro, Denilson Lopes, Walmir Ayala, Marília Rothier Cardoso, Elizabeth Cardoso, Fernando Monteiro de Barros, Ruth Silviano Brandão, Beatriz Damasceno, Rodrigo Coppe Caldeira, Valéria Lamego, Luiz Carlos Lacerda e Andrea de Paula Xavier Vilela.